ATP divulga atualização, e elite do tênis masculino terá calendário cheio até novembro

ATP divulga atualização, e elite do tênis masculino terá calendário cheio até novembro
14 de agosto de 2020 Raquete na Mão
Em Vamos Falar de Tênis

 (Foto: Divulgação/ATP)

Se ainda havia dúvidas sobre o calendário da ATP para 2020, inclusive por conta do cancelamento do evento de Madri, aos poucos a situação vai se clareando. Pelo menos, se tudo correr como o previsto pela entidade.

Nesta sexta-feira, a associação que rege o tênis masculino lançou um calendário atualizado para o restante do ano. Caso tudo funcione bem, o circuito será cheio até a segunda metade de novembro, terminando a temporada com o ATP Finals.

Leia mais:

Ex-top 100, Thiago Alves elogia nova geração brasileira e ressalta importância de investir em bons treinadores

Último Slam sem Federer nem Nadal aconteceu há 21 anos; relembre como foi

Com o cancelamento do Masters 1000 de Madri, algumas mudanças surgiram na gira de saibro. Agora, o torneio de Roma foi adiantado e será na semana em que o evento na Espanha aconteceria. Com isso, os dias anteriores a Roland Garros ficaram vagos. Quem se beneficiou foi o ATP 500 de Hamburgo, incluído no calendário.

Depois do Slam francês, vem a temporada nas quadras duras europeias, começando com o torneio de São Petersburgo, na semana de 12 de outubro. O evento russo, normalmente de nível 250, será um ATP 500, excepcionalmente, em 2020.

Na sequência, ainda em outubro, acontecerão torneios em Moscou, Antuérpia e Viena. No início de novembro, vem o Masters 1000 de Paris, seguido pelo 250 de Sofia, até chegarmos ao ATP Finals, começando no dia 15 do penúltimo mês do ano.

O fato é que, se as condições sanitárias não piorarem novamente no Velho Continente, a elite do circuito masculino terá um calendário cheio durante três meses. Fica como ponto de interrogação a quantidade de Challengers e ITFs, para que os tenistas de menor ranking também possam voltar. Sem falar nas restrições de viagens e afins.

De qualquer forma, se em algum momento 2020 parecia um ano perdido no tênis, a ATP planeja minimizar esta sensação com três meses de competições, incluindo a disputa de dois Slams, dois Masters 1000 e ainda o Finals.

Gostou deste conteúdo? Nós do Raquete Na Mão estamos também nas redes sociais, com uma série de conteúdos para vocês!

Twitter: https://twitter.com/RaqueteNaMaoBR

Instagram: https://www.instagram.com/raquetenamao/

YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCu_Z7-xQ0ZOJLWqC1E5tvzg

Spotify: https://open.spotify.com/show/6uk1J2DuAijFXfXPDYbR6T

Comentários (0)

Deixe um comentário